Our Recent Posts

Tags

Nenhum tag.

A LIÇÃO DO JORDÃO


Esse é meu sexto dia de viagem. Hoje, conheci o Rio Jordão, um dos pontos turísticos mais procurados por cristãos em Israel. Nesse rio, Jesus foi batizado por João Batista - não nesse ponto, mas nesse rio -. Para o cristão, o batismo simboliza o início de uma nova vida. É o marco de uma escolha. . Mas essa história tem outra lição. O cristão acredita que Jesus é o filho de Deus, o Salvador, não é? Pois bem. Ele podia mergulhar no rio e pronto. Estaria batizado. Mas ele pediu a João Batista para batizá-lo. É que João estava fazendo isso há tempos, assim como anunciando que o Messias (Jesus) chegaria. Quando o Messias enfim ficou frente a frente, João não foi descartado. Nada disso. Pelo contrário. Jesus pediu para ser batizado por ele. E assim, Jesus ensinou a respeitar os que vieram antes da gente. 👊🏾 . Pela primeira vez, fiquei emocionado nessa viagem. Tinha gente de todo o mundo se batizando. Fiquei impressionado com a quantidade de indianos, coreanos e africanos que estavam por lá. Vi um grupo do Quênia, por exemplo, que tinha mais de 30 pessoas. Nas paredes, há um trecho do livro de Marcos sobre o batismo de Jesus em várias línguas. É para representar os cristãos de todo o mundo. . Os judeus não reconhecem Jesus como Messias, filho de Deus etc. Mas boa parte do mundo reconhece e vem até aqui viver a experiência de estar onde Ele esteve. De quebra, deixa muita grana no comércio dos judeus. Não fosse Ele, ninguém visitaria o Jordão. Dois mil anos depois da morte física, Jesus segue sendo bom pra Israel.

 

©2018 by Daniel Brunet. Proudly created with Wix.com